O Que é Saliva Excessiva em Bebês

A saliva excessiva em bebês é um problema comum que pode acontecer nos primeiros meses de vida. Isso ocorre porque o sistema de deglutição do bebê ainda está se desenvolvendo, o que faz com que ele engula mais saliva do que o normal.

Essa produção excessiva de saliva pode ser percebida quando o bebê está babando muito ou quando a saliva escorre pelo canto da boca. É importante ressaltar que isso não é motivo para preocupação, pois faz parte do processo de crescimento e desenvolvimento do bebê.

Existem algumas possíveis causas para esse excesso de saliva. Uma delas é a dentição, que pode começar a partir dos 6 meses de idade. Nessa fase, a salivação aumenta como uma resposta natural do organismo para ajudar a aliviar o desconforto do nascimento dos dentinhos.

Outra causa pode ser a posição do bebê durante o sono. Se ele dorme de lado ou de bruços, é mais provável que a saliva escorra pela boca. Nesse caso, é recomendado colocar o bebê para dormir de barriga para cima, em uma superfície plana e segura, para evitar acidentes.

É importante ressaltar que a saliva excessiva em bebês não está relacionada a problemas de saúde graves. No entanto, se você notar outros sintomas, como febre, irritabilidade ou dificuldade para se alimentar, é importante consultar um médico para descartar qualquer complicação.

Para lidar com a saliva excessiva, você pode usar babadores para manter a roupa do bebê seca e limpar a boca com uma fralda de pano macia regularmente. Além disso, é importante manter uma boa higiene bucal, limpando as gengivas e os primeiros dentinhos com uma gaze ou dedeira própria para bebês.

Para concluir, a saliva excessiva em bebês é um problema comum e temporário, que faz parte do processo de crescimento e desenvolvimento do bebê. Não é motivo para preocupação, mas é importante ficar atento a outros sintomas e consultar um médico se necessário.