O Que é Língua Presa em Bebês

Quando falamos sobre "língua presa em bebês", estamos nos referindo a um problema que afeta a forma como a criança fala e se alimenta. Nesse caso, a língua fica presa no fundo da boca, dificultando os movimentos necessários para falar corretamente e mamar no seio materno.

Esse problema ocorre devido a um freio lingual curto, que é uma pequena faixa de tecido que conecta a língua ao assoalho da boca. Em bebês com língua presa, essa faixa é mais curta e mais rígida do que o normal, o que limita os movimentos da língua.

Os sinais de língua presa em bebês podem variar. Alguns bebês podem apresentar dificuldade para mamar, pois não conseguem sugar corretamente. Eles podem ter dificuldade em segurar o mamilo e podem ficar irritados durante a amamentação.

Da mesma maneira, a língua presa também pode afetar a fala do bebê. Eles podem ter dificuldade em pronunciar certos sons, como os que exigem o movimento da língua para trás, como o "r" e o "l".

É importante ressaltar que a língua presa em bebês não é algo incomum e pode ser corrigida com um procedimento chamado frenotomia lingual. Esse procedimento é simples e consiste em cortar o freio lingual para liberar a língua e permitir que ela se mova livremente.

Caso você suspeite que seu bebê possa ter língua presa, é importante consultar um especialista, como um fonoaudiólogo ou um odontopediatra. Eles poderão avaliar a situação e indicar o melhor tratamento para o seu bebê.

Para concluir, a língua presa em bebês é um problema que afeta a alimentação e a fala da criança. Felizmente, existe um procedimento simples para corrigir esse problema e permitir que o bebê se desenvolva de forma saudável.