O Que é Licença-Adoção

A licença-adoção é um direito garantido por lei para pais que adotam uma criança. Essa licença é semelhante à licença-maternidade, mas destinada aos pais adotivos.

Quando um casal ou uma pessoa decide adotar uma criança, eles podem solicitar a licença-adoção para terem um tempo dedicado à adaptação e cuidado do novo membro da família. Durante esse período, os pais adotivos têm direito a afastamento do trabalho, recebendo um salário equivalente ao que receberiam se estivessem trabalhando.

A licença-adoção tem duração determinada por lei, variando de acordo com a idade da criança adotada. Para crianças com até um ano de idade, a licença é de 120 dias. Já para crianças com idade entre um e quatro anos, a licença é de 60 dias. E, para crianças com mais de quatro anos, a licença é de 30 dias.

Durante o período da licença-adoção, os pais adotivos têm o direito de se ausentarem do trabalho sem prejuízo de seus salários. Além disso, eles também têm direito a receber o salário-maternidade, que é o benefício pago pelo INSS durante o período de afastamento.

A licença-adoção é importante porque permite que os pais adotivos tenham um tempo de qualidade para se dedicarem à criança recém-adotada. Essa fase inicial é fundamental para a criação de vínculos afetivos e adaptação mútua entre pais e filho.

Portanto, a licença-adoção é um direito que visa garantir o bem-estar da criança e o apoio aos pais adotivos durante esse momento tão especial de suas vidas.