O que é Abuso de substâncias durante a gravidez

O abuso de substâncias durante a gravidez é quando a mulher consome drogas ou álcool de forma prejudicial para o seu bebê em desenvolvimento. Essas substâncias podem incluir maconha, cocaína, heroína, álcool e até mesmo medicamentos sem prescrição médica.

Quando uma mulher usa drogas ou álcool durante a gravidez, essas substâncias podem atravessar a placenta e afetar diretamente o feto. Isso pode levar a uma série de problemas de saúde para o bebê, como baixo peso ao nascer, atraso no desenvolvimento, problemas de aprendizagem, defeitos de nascimento e até mesmo morte fetal.

Além de, o abuso de substâncias durante a gravidez também pode causar problemas para a mãe. Ela pode ter complicações durante a gestação, como sangramento vaginal, aborto espontâneo ou parto prematuro. Além disso, pode ter problemas de saúde a longo prazo, como doenças cardíacas, problemas no fígado e dependência química.

É importante ressaltar que, mesmo que uma mulher pare de usar drogas ou álcool durante a gravidez, os efeitos dessas substâncias podem persistir no bebê. Portanto, é fundamental buscar ajuda médica e apoio para superar o abuso de substâncias antes e durante a gestação.

Em suma, o abuso de substâncias durante a gravidez é extremamente prejudicial para a saúde do bebê e da mãe. É essencial evitar o consumo de drogas e álcool durante esse período e buscar ajuda profissional para lidar com qualquer dependência química.